7 Lugares públicos que têm mais bactérias do que você imagina

Você deseja que seus dias de trabalho proporcionem apenas satisfação moral e material, e que não comprometam sua saúde? Então tente fazer limpezas regulares com produtos desinfetantes, ao menos nos lugares de maior risco.

2. Aeroportos

7 Lugares públicos que têm mais bactérias do que você imagina

© Depositphotos   © Depositphotos  

O avião é o meio de transportes mais seguro, rápido e conveniente. Porém, estudiosos da Universidade de Nottingham (na Inglaterra) e do Instituto Nacional de Saúde e Bem-Estar da Finlândia explicaram que aeroportos contaminados representam uma grave ameaça à saúde. As pesquisas analisaram 90 superfícies sólidas e encontraram vírus respiratórios em 10% das amostras.

As telas das máquinas de check-in, os corrimões das escadas rolantes, os brinquedos nas áreas infantis e os recipientes plásticos para objetos pessoais (especialmente esses últimos) apresentaram uma maior concentração de micróbios que os botões de descarga de vasos sanitários. Os materiais rígidos de que são feitos os recipientes plásticos não deixam passar umidade nem ar, e chegam até nós imediatamente depois do passageiro anterior. Frequentemente, neles estão presentes os rinovírus, causadores dos resfriados, coronavírus, adenovírus e gripe. E as bactérias vivem nessas superfícies por até 2 dias.

Diminuir o risco de infecção não é difícil: utilize desinfetante e lave as mãos após ter contato com os objetos mencionados acima.

10 Dicas para superar os desafios de abrir o próprio negócio

Por que existe o botão Windows do teclado?